Vazão do Rio Camboriú está abaixo do normal e gera preocupação

O nível de água abaixo do normal no ponto de captação do Rio Camboriú pode provocar baixa pressão no abastecimento das regiões mais altas e distantes de Camboriú nos próximos dias. Desde a manhã desta sexta-feira, 11 de janeiro, o município está trabalhando com 75% da vazão ideal para este período do ano por conta da estiagem.

Segundo o gestor operacional da Águas de Camboriú, Gabriel Balparda Fasola, a situação deve retornar à normalidade assim que voltar a chover em Camboriú e região. Nesta manhã de sexta, a régua do rio Camboriú apontava 0,96 m, enquanto o ideal é de 1,35 m. Para aumentar a vazão no rio, está sendo viabilizada a transposição de água do Parque Linear para o Rio Camboriú.

Para minimizar os efeitos das baixas pressões, a Águas de Camboriú enfatiza a importância do uso prioritário da água nestes próximos dias. Além disso, a concessionária já fez a instalação de bomba para amenizar durante estes dias de estiagem. “Com as chuvas a vazão do rio tende a normalizar, mas, por enquanto, é extremamente importante a colaboração de todos para evitar o desperdício em atos como limpeza de calçadas e carros com mangueira, rega de jardins e banhos demorados”, observa Gabriel.

Saiba como contribuir em período de estiagem:

– Evite os banhos demorados
– Mantenha a torneira fechada ao fazer a barba e ao escovar os dentes
– Antes de lavar os pratos e panelas, retire os restos de comida
– Deixe a louça de molho na pia, com água e detergente, por uns minutos e ensaboe. Repita o processo e enxágue
– Use a vassoura, não a mangueira, para limpar a calçada e o quintal
– Use balde e pano para lavar o carro, ao invés de uma mangueira. Evite lavar o carro durante a estiagem
– Use regador para molhar as plantas ao invés de utilizar a mangueira
– Utilize a máquina de lavar somente quando estiver na capacidade total

Comente com Facebook

Maria Varella
Maria Varella, tem 25 anos de atuação na área de comunicação atuando em projetos de jornais, revistas e portais online em diversas regiões do pais.É a fundadora e proprietária do SC Hoje e atua como Editora Executiva do Portal. Email: [email protected] | Fone/WhatsApp:47 3311.2817