Deputado Coronel Mocellin completa 100 dias de mandato com ações importantes para o Vale do Itajaí

O deputado Coronel Mocellin (PSL), que tem como base o Vale do Itajaí, está completando, neste sábado, 100 dias de mandato na Assembleia Legislativa.

Nesses mais de três meses de trabalho, o deputado apresentou uma série de projetos e indicações, fez discursos em defesa de agendas importantes para o Estado, tem participado das comissões de Constituição de Justiça, Agricultura e Defesa Civil e realizado inúmeras agendas para ouvir segmentos no Vale do Itajaí e o Extremo-Oeste. “Os desafios são muitos, mas nesses mais de três meses conseguimos avançar em agendas importantes para o Vale do Itajaí e o Estado”, destacou ele.

Para o Vale do Itajaí, Mocellin tem se dedicado às áreas de mobilidade urbana, turismo saúde, educação e segurança.

Entre os temas mais fortes, os impactos da duplicação da Rodovia Antônio Heil, entre Brusque e Itajaí. A obra dividiu comunidades e gerou uma série de problemas de segurança e mobilidade para moradores e empresários. Por isso, o deputado participou de várias reuniões para ouvir os pleitos da comunidade e o setor produtivo.

No próximo dia 16, em Brusque, será realizada uma audiência pública para discutir o futuro da obra, com a presença do secretário de Infraestrutura, Carlos Hasler. “É nossa responsabilidade e compromisso dar uma resposta à população, que tem sido afetada diariamente pelos problemas da obra, dividindo comunidades e gerando outros problemas de mobilidade. É muito transtorno e falta de segurança”, frisou Mocellin.

Turismo

No turismo, o Coronel Mocellin continua a luta pela permanência da The Ocean Race em Itajaí. Nessa quinta-feira, o governador Carlos Moisés garantiu apoio para que o evento continue no município. “Ele entendeu a importância da regata, considerada a Fórmula 1 dos Mares, para a economia da região e de Santa Catarina. Vamos nos candidatar para sediar. Vai dar certo”, destacou Mocellin.
A próxima semana será decisiva, com reuniões com a Santur, o prefeito Volnei Morastoni e o governador Carlos Moisés.

Saúde

Na saúde, ele tem feito uma série de encontros com instituições da região, principalmente com o Hospital Marieta. O foco é conquistar investimentos para terminar a nova ala, que irá transformar a casa no maior hospital do Estado. “Estamos na luta para equipar a nova ala. Para isso vamos buscar emendas e o apoio do Ministério da Saúde. O Governo do Estado, claro, participa da obra desde o início e continua parceiro”, destacou Mocellin

Educação

Dentro da educação, Mocellin visitou várias escolas estaduais de Itajaí, como a Nereu Ramos e a Nilson Kucker, que precisa de uma reforma urgente. “O recurso pra isso já existe e estamos cobrando esse pleito do governo”, lembrou.
O deputado também percorreu entidades como o Lar Padre Jacó, em Itajaí, que faz um importante trabalho no acolhimento de crianças e adolescentes em situação de vulnerabilidade, atendendo mais de 1.200 alunos. Em recente visita, ele, a deputada Ana Campangnolo e o deputado federal fábio Fábio Schiochet, garantiram R$ 400 mil em emendas para a manutenção do trabalho do Lar.

Ensino militar

O deputado Coronel Mocellin tem defendido a propagação do modelo de ensino militar com gestão compartilhada entre a Secretaria de Estado da Educação com a Polícia Militar. Neste caso, a parte pedagógica ficaria com a SED e a administração e de disciplina com a PM. Em Itajaí, ele defende que o Presídio no bairro Nossa Senhora das Graças, que está prestes a ser desativado, seja o primeiro presídio catarinense a tornar-se uma escola nesses moldes.

Outras lutas

O deputado também está atento à necessidade de Itajaí ter um serviço do Hemosc, para a coleta de sangue. Para isso pretende promover uma audiência pública para discutir o tema. Ele tem feito uma série de audiências com autoridades no assunto para entender qual a melhor forma de atender essa demanda. Além disso, investimentos no Porto de Itajaí, a necessidade de uma ponte entre Itajai e Navegantes, além da obra da Barragem de Botuverá, de grande importância para a contenção de cheias na região, também estão entre as preocupações de Mocellin.

Algumas ações e projetos parlamentares

– Matéria propõe a extinção da prisão administrativa de militares

– Matéria desburocratiza a apresentação de documentos por parte de entidades de utilidade pública

– Matéria obriga a apresentação da caderneta de vacinação para a matrícula anual na rede pública e privada de ensino no Estado de Santa Catarina. Caso não seja obedecido o prazo de 30 dias para a apresentação o Conselho Tutelar deve ser acionado.

– Indicação para que o Estado adote o modelo de gestão compartilhada entre a Secretaria de Estado da Educação e a Polícia Militar, promovendo modelo de ensino militar, onde a SED entra com a parte pedagógica e a PM com a administração e disciplina.

– Indicação ao governo do Estado, recomendando o uso de emissários submarinos como eficiente alternativa para o destino final de efluentes sanitários em regiões costeiras

– Moção à Bancada Federal sugerindo projeto de lei autorizando o porte de arma e munição para agentes de segurança sócioeducativos

Comente com Facebook