PM de Camboriú fecha ano com diminuição significativa nos índices de criminalidade

Mais um ano se findando e agora chega o momento de colocar em pauta o trabalho realizado pela Polícia Militar de Camboriú no ano de 2018, em um comparativo com o ano anterior. Com todo o trabalho preventivo e ostensivo realizado, os resultados não poderiam ser melhores: uma baixa significativa em todos os índices de criminalidade e mortes no trânsito.

Em 2018, foram 17.241 ocorrências atendidas pelos 55 policiais que fazem parte do efetivo da 1ª Companhia da Polícia Militar de Camboriú.

Um dos grandes destaques desse ano foi o fortalecimento do Programa Rede de Vizinhos, que agora conta com 19 grupos na cidade, com 643 cidadãos participando ativamente, auxiliando no trabalho preventivo da Polícia Militar.

Já pelo Programa Educacional de Resistência às Drogas e à Violência (PROERD) foram 1.195 crianças formadas dos 5ºs anos das escolas municipais, estaduais e particulares. Através do programa, elas são conscientizadas a tomarem decisões saudáveis e a viverem longe da droga e da violência.

Pioneiro no Estado de Santa Catarina, o Projeto “Sou Estudante, Sou Cidadão”, realizado na Escola CAIC Jovem Ailor Lotério, no Bairro Monte Alegre, foi uma das principais ferramentas preventivas no combate ao crime, onde em quatro meses, atendeu mais de 600 crianças do pré ao 5º ano do período vespertino, diminuindo o número de ocorrências registradas na unidade de ensino, suprimindo a evasão escolar, ensinando valores morais e cívicos para os alunos, e consequentemente auxiliando na melhoria das notas escolares.

Por falar em escola, a Rede de Segurança Escolar este ano atendeu 31 unidades escolares, entre escolares particulares, municipais, estaduais e creches, alcançando cerca de 17 mil alunos.

O número de homicídios baixou de 28 em 2017 para 25 em 2018, retraíndo em 10% em relação ao ano anterior. O índice de mortes no trânsito baixou 60%, indo de cinco em 2017 para apenas dois em 2018.

Grande problema em anos anteriores, o número de roubos diminuiu em 30%, baixando de 232 para 161. Esta baixa chegou a colocar Camboriú como a cidade com menor índice de roubos no Estado de Santa Catarina durante um dos períodos do ano. As ocorrências de furtos diminuíram 27%, indo de 743 em 2017 para 539 em 2018.

Ocorrência mais atendida nos últimos anos, o número de perturbação do sossego e trabalho alheio (som alto, emissão de fumaça, etc) diminuiu 42%, com 1.403 ocorrências em 2018, contra 2.443 em 2017.

As ocorrências de violência doméstica (Maria da Penha) também diminuíram, indo de 358 em 2017 para 235 em 2018. Com o objetivo de combater este tipo de situação, também foi colocado em prática o Programa Rede Catarina de Proteção a Mulher, através de ações práticas preventivas, em parceria com outras instituições da sociedade.

Neste ano, 142 pessoas com mandado de prisão em aberto ou que estavam foragidas foram presas. O número de armas apreendidas aumentou 6%, indo de 29 em 2017 para 31 em 2018.

Durante o ano, foram realizadas diversas operações pontuais, como a Operação Veraneio (fiscalização e barreira de trânsito), Operação Cérbero (fiscalização de trânsito e fiscalização de bares e similares), Operação 4000 (verificação de apenados e fiscalização de bares e similares), entre outras.

Comente com Facebook